Especial Dia das Mães – História

Existem muitas histórias e tradições sobre o dia das mães no Brasil e no mundo. As mais antigas celebrações do Dia das Mães remontam às comemorações primaveris da Grécia Antiga, em honra de Rhea, é uma deusa relacionada com a fertilidade, mulher de Cronos e Mãe dos Deuses.

Em Roma, as festas comemorativas do Dia da Mãe eram dedicadas a Cibele, a Mãe dos Deuses romanos, e as cerimónias em sua homenagem começaram por volta de 250 anos a.C.

Mas a maioria das fontes é unânime acerca da ideia da criação de um dedicado as mães. Anna Jarvis foi à criadora desse lindo dia, em 1904, quando a sua mãe morreu, ela chamou a atenção na Igreja Metodista Andrews, da cidade de Grafton (Virgínia Ocidental), EUA, para um dia especialmente dedicado a todas as mães. Três anos depois, em 10 de Maio de 1907, foi celebrado o primeiro Dia da Mãe, na mesma igreja, reunindo família e amigos. Nessa ocasião, a Anna enviou para a igreja 500 cravos brancos, que deviam ser usados por todos, e que simbolizavam as virtudes da maternidade. Ao longo dos anos enviou mais de 10.000 cravos para a igreja – vermelhos para as mães ainda vivas e brancos para as já desaparecidas – e que são hoje considerados mundialmente com símbolos de pureza, força e resistência das mães.

Anna Jarvis e sua mãe Ann Maria Reeves Jarvis

Anna Jarvis e sua mãe Ann Maria Reeves Jarvis

Segundo Anna o objetivo deste dia é tomarmos novas medidas para um pensamento mais ativo sobre as nossas mães. Através de palavras, presentes, atos de afeto e de todas as maneiras possíveis deveriam proporcionar-lhe prazer e felicidade ao seu coração todos os dias, mantendo sempre na lembrança o Dia da Mãe.

bouquets13

Cravos vermelhos e brancos

A partir desse momento começou uma mobilização a pessoas influentes, como ministros, homens de negócios e políticos com o intuito de estabelecer um Dia da Mãe a nível nacional, o que daria às mães o justo estatuto de suporte da família e da nação.

A campanha foi de tal forma tão sucedida que em 1911 era celebrado em praticamente todo o EUA. Em 1914, o Presidente Woodrow Wilson declarou oficialmente e a nível nacional o 2º Domingo de Maio como o Dia da Mãe.

Aqui no Brasil a data da comemoração do dia das mães no segundo domingo de maio foi oficializada pelo presidente Getúlio Vargas no ano de 1932, desde então essa data vem sendo comemorada em todo o território nacional e se transformou num dos eventos mais esperados pelo comércio sendo a segunda data comemorativa que mais movimenta o comércio perdendo apenas para o Natal.

Determinar uma data para um evento tão importante quanto homenagear nossa mãe querida é de certa forma um ritual onde invocamos a figura materna e refletimos sobre tudo que ela representou e representa em nossa vida, no entanto mais do que um dia especifico durante o ano é importante para todos nós pensarmos que a figura da mãe deve ser louvada e homenageada todos os dias do ano.

Seja no Brasil ou em qualquer país do mundo o que realmente importa quando falamos de mãe é o amor e o carinho que essa figura nos passa e um dia apenas é pouco, pois todos os dias são dias das mães.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s